vendo o invisível: a poesia do olhar fotográfico

recentemente fazendo uma pesquisa fiquei fascinado por essas imagens de algo que só a fotografia pode ver, uma espécie de miragem noturna, uma visão do deserto com uma abordagem original e bem diferente das dunas que já vimos inúmeras vezes. o azul da noite traz à imaginação a lembrança de tempos ancestrais, onde os homens nessa paisagem nua tinham um contato direto com as estrelas.

a poesia de tempos esquecidos pelo olhar de um artista notável.

o autor é Guido Mocafico, um dos maiores fotógrafos de still life do mundo e uma referência para mim desde que cheguei na Italia em 1991. há décadas seu trabalho é publicado nas mais prestigiosas revistas internacionais e ele nunca deixou de surpreender com a sua inteligência, competência e imaginação. este é um trabalho pessoal que foi publicado em 1999, no primeiro numero da revista Numero.

a série, que ele gentilmente me permitiu publicar aqui, chama-se 'Bleu Maroc', e é um exemplo de como o olhar fotográfico pode trazer uma visão surpreendente do mundo e de nós mesmos. clique na imagem para ver a série e conhecer o seu trabalho.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • YouTube Social  Icon
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon